Destino Pet: João Pessoa/PB

Eduardo Cavalcanti - Dedicato Turismo

João Pessoa, a simpática capital da Paraíba, é uma feliz combinação de praias bacanas, paraísos naturais, atrações históricas, boas compras e ótima gastronomia. Sou suspeito de falar de lá, pois além de achar um destino incrível e amar essa cidade, meu pai é de lá, tenho família lá, enfim, tenho sangue paraibano 😊
Com preços mais baixos do que outras capitais litorâneas, João Pessoa tem boas opções de passeios, hospedagem, bares, restaurantes e atrações no geral com valores justos e que se adaptam a diferentes públicos e necessidades. Durante o dia e a noite, o enorme calçadão entre as praias de Cabo Branco, Tambaú e Manaíra fica lotada de gente praticando esportes, passeando ou bebericando em uma das barracas com música ao vivo. Os pontos mais reservados da orla ficam afastados do Centro, ao norte e ao sul – vale a pena pegar o carro ou fazer um passeio para conhecê-los.



Vou listar algumas das praias que mais gosto e que, ao meu ver, são imperdíveis! Depois vou falar algumas atrações gerais dessa cidade que é um encanto!

Classificando como Praias Urbanas, temos:

Tambaú – Os coqueiros e as gameleiras (árvores baixas com flores cor de rosa) são as marcas registradas de Tambaú. A praia é bastante movimentada em função da proximidade dos hotéis.

Bessa – A vegetação de restinga e os coqueiros emolduram essa bela praia. Para quem procura agito, Bessa é a mais indicada, reunindo as barracas mais movimentadas da orla em toda a sua extensão.

Cabo Branco – Preferida dos moradores de João Pessoa, a praia de Cabo Branco é bastante extensa e repleta de barracas confortáveis e distantes umas das outras. Emoldurada por falésias que chegam a 40 metros de altura, é o cenário perfeito para caminhadas, tanto que a pista à beira-mar é interditada para carros todos os dias, das 5 às 8 da manhã.

Manaíra – Praia tranquila, mais residencial com menos hotéis e pousadas, porém tem bons restaurantes e bares.

http://viveremjoaopessoa.blogspot.com.br/2013/07/os-melhores-bairros-para-morar-em-joao.html

Praias no Litoral Sul:

Coqueirinho – Repleta de coqueiros e falésias coloridas. As ondas fracas e os rios de água doce atraem banhistas, mergulhadores e também aqueles que querem apenas contemplar um belo visual.

Ponta do Seixas – Com barracas rústicas, mar azul e areia fina, a praia da Ponta do Seixas é o ponto oriental extremo das Américas. No alto da falésia, um farol indica o marco. Inclua a praia no roteiro de passeios da manhã, uma vez que a falésia faz sombras logo no começo da tarde.

http://site1.viajefacil.net/tours/joao-pessoa-121117/

Barra do Gramame – As atrações ficam por conta dos ventos perfeitos para a prática do kitesurf e do Bar do Zezinho, que serve os drinks mais refrescantes da região, como o de abacaxi e o de coco. Outra pérola é um pequeno rio que forma uma piscininha perfeita para relaxar – evite tentar atravessá-lo, pois a correnteza é muito forte.

Tambaba – Uma das mais belas praias da região, Tambaba é a primeira praia oficial de naturismo do Nordeste. Por isso, foi dividida em duas partes: na primeira – pequenina, com pedras e piscinas naturais de águas verde-azuladas – não é permitido ficar nu. Já na segunda, tirar a roupa é obrigatório. Mesmo quem não é adepto acaba não resistindo a curiosidade e a vontade de conhecer um dos recantos mais bonitos do litoral paraibano onde falésias, pedras e matas se misturam, formando um cenário único.

Tabatinga – é especial por vários motivos: além do cenário perfeito – enormes falésias, águas mornas e calmas protegidas por recifes e areias finas – oferece como bônus os ‘maceiós’, lagoas formadas pela água do mar.

Acervo pessoal

www.pbase.com/alexuchoa 

Praias no Litoral Norte:

Intermares – Com ondas que atraem os surfistas, a praia é movimentada, intercalando trechos de calçadão com outros de restinga. Uma parte é reservada para a desova de tartarugas-marinhas.

Camboinha – Quando a maré está baixa, a praia de Camboinha ganha diversas piscinas naturais, perfeitas para quem viaja com crianças.

Praia do Oiteiro – A falta de infraestrutura não impede uma visita à praia do Oiteiro, que conta com a beleza dos coqueiros e a vista panorâmica descortinada do alto das dunas. As boas ondas fazem do local um dos ‘picos’ mais procurados.

http://viveremjoaopessoa.blogspot.com.br/2013/07/os-melhores-bairros-para-morar-em-joao.html

Mesmo com tanta praia linda, João Pessoa ainda oferece diversas opções de passeios e atrações, seguem alguns maravilhosos exemplos:

Apreciar o pôr do sol na praia do Jacaré – O pôr do sol ganhou trilha sonora em João Pessoa. Todos os dias, quando o astro-rei dá os últimos suspiros na praia fluvial do Jacaré, o saxofonista “Jurandy do Sax” entoa nada menos que o “Bolero”, de Ravel.

rotanatal.com

Centro Cultural São Francisco – Um dos mais importantes complexos barrocos do país, o conjunto arquitetônico de São Francisco atrai estudiosos e turistas do Brasil e também de outros países. Composto pelo Convento de Santo Antônio e pela Igreja de São Francisco, a obra foi concluída em 1770 e causa impacto pela grandiosidade e beleza do acabamento, que inclui talhas em madeira recobertas de ouro e ricas cantarias em pedra com motivos portugueses e orientais.

https://viagemeturismo.abril.com.br/atracao/centro-cultural-sao-francisco/

Farol do Cabo Branco – Melhor lugar para apreciar toda a beleza do litoral de João Pessoa, o Farol do Cabo Branco representa o extremo leste do Brasil, indicando a localização da Ponta do Seixas. É ali que o sol nasce primeiro nas Américas. Inaugurado em 1972, a 40 metros acima do nível do mar, tem formas que remetem a um sisal estilizado.

Estação Cabo Branco – Inaugurado em 2008, este centro cultural projetado por Oscar Niemeyer exibe as curvas características do arquiteto carioca. O espaço reúne ciência, arte e cultura, além de uma bela feira de artesanato. Uma das curiosidades é o sistema externo de alto-falantes: instalado no gramado, replica os sons das peças e concertos apresentados dentro do teatro. A estação fica bem próxima ao Farol do Cabo Branco e também conta com umas vistas lindas.

http://www.luisprado.com.br/fotos/estacao-estatua-joao-luisprado.jpg

Passeio de barco para a Ilha de Areia Vermelha – Quando a maré está baixa, barcos, lanchas e jet-skis seguem em direção à Ilha de Areia Vermelha, acessível a partir da praia de Camboinha. O banco formado por areias avermelhadas é cercado por piscinas naturais repletas de peixes. Para lá, seguem também os barcos com serviços de bar que servem, entre outros petiscos, o tradicional caranguejo ao coco.
tourjoaopessoa.blogspot.com

Passeio de barco para as piscinas naturais de Picãozinho – A menos de 2km da costa, em frente à praia de Tambaú, as piscinas naturais de Picãozinho surgem na maré baixa, apresentando formações de corais. Um dos passeios náuticos mais apreciados da região, atrai adultos e crianças que se revezam nos deliciosos mergulhos em meio aos peixes. O tour dura quatro horas e barcos-restaurantes garantem bebidas geladas e petiscos fresquinhos.

Passeio de bugue – Para o Norte, o tour circula pelas praias urbanas da capital, de Cabedelo e de Lucena, sendo possível esticar até à reserva indígena de Barra de Camaratuba. Já para o Sul, o passeio segue para o município de Conde, passando pelas praias de Barra do Gramame, Amor, Jacumã, Tabatinga, Coqueirinho e Tambaba. Há paradas para banho e caminhadas.

Parque Solon de Lucena – Cartão-postal de João Pessoa, o Parque Solon de Lucena é uma das mais belas expressões paisagísticas da capital. Com traçado original do paisagista Burle Marx, os jardins preservam exemplares de pau-d’arco, bambus e belas palmeiras imperiais que acompanham o desenho do lago central.

https://br.pinterest.com/pin/497647827548142350/

Jardim Botânico Benjamim Maranhão – Criado pelo governo do Estado em 2000, o Jardim Botânico é uma das maiores reservas de Mata Atlântica do Brasil, com 515 hectares. Além de área de lazer, é também local para estudos de espécies da fauna e da flora. Através de três trilhas, o turista pode vislumbrar espécies animais e vegetais típicas da Mata Atlântica.

Projeto Peixe-Boi – projeto do Ibama, instalado em 1985 na Barra de Mamanguape, a 84km de João Pessoa. O título de Área de Proteção Ambiental garantiu à Mamanguape a preservação de sua natureza, que por pouco não foi afetada pela ocupação desordenada. Não perca essa rara oportunidade rara de ver a espécie em seu habitat natural!

https://www.tripadvisor.com.br/LocationPhotoDirectLink-g303428-d4056621-i84393591-Barra_de_Mamanguape_Beach-Joao_Pessoa_State_of_Paraiba.html

http://extincaodosanimaisdobrasil.blogspot.com.br/2012/04/e-um-animal-mamifero-aquatico-e.html

Quanta coisa né? E olha que se espremer sai mais 😊 E se não bastasse tantas belezas, João Pessoa ainda conta com uma boa organização e limpeza, uma tranquilidade de interior e um povo super receptivo! Conheça João Pessoa, conheça a Paraíba e sinta como é lindo, ver, sentir e vivenciar tantas maravilhas.

Ah…. já ia esquecendo, e quem sabe você tem a sorte de conhecer minha família? Não irá se arrepender! (rsrsrsrsrsrs)

Planeje sua viagem para João Pessoa com a Dedicato Turismo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *