Experiência Pet Friendly: Museu Felícia Leirner | Campos do Jordão/SP

@penelopecherry - Embaixadora Mascote.net

O Museu Felícia Leirner já apareceu por aqui, em outras experiências pet friendly pela nossa cidade! É um lindo museu com esculturas ao ar livre, onde os mascotes podem ficar soltos e correr à vontade! São quase 35 mil m² de área, onde a artista polonesa espalhou suas 85 obras. Foi a própria Felícia quem decidiu a disposição das peças, assim como sua divisão, seguindo sua trajetória criativa.

Continuar a ler “Experiência Pet Friendly: Museu Felícia Leirner | Campos do Jordão/SP”

Viajando para os Estados Unidos

Luiza Curzel - Embaixadora Mascote.net

A Teani já contou um pouco sobre como foi a experiência dela para levar a Dag para a Europa. Hoje eu vim falar como foi a experiência de levar o Cusco para os Estados Unidos.

Ano passado, o Victor e eu decidimos passar 3 meses na Califórnia e, obviamente, não iríamos deixar o Cusco fora dessa; então começamos a pesquisar os requisitos para levá-lo conosco.

Continuar a ler “Viajando para os Estados Unidos”

Florença | Itália

Teani Freitas – Embaixadora Mascote.net na Itália

Antes de começar a contar sobre essa experiência, preciso dizer que a Europa está alguns passos à frente do Brasil no quesito pet friendly. Por onde passei, vejo que animais de companhia, são não apenas permitidos, mas tratados com a maior naturalidade. Já cansei de encontrar com cachorros em lojas, restaurantes, lanchonetes, estação de trem, metrô, ônibus e até supermercados. Aqui é assim, nossos mascotes fazem parte da rotina e nos acompanham em todos os lugares. Nas viagens isso não seria diferente.

As viagens de trem com cachorro por aqui não têm mistério: é só chegar e embarcar. Não é necessário sequer avisar que pretende viajar com um cachorro ou pagar a mais, como acontece no caso das viagens de avião. Porém, é muito importante que toda documentação esteja em dia. Como já contei em outro post, Dagny possui o Passaporte Europeu para Cães, o que significa que ela está super regularizada.

Um dos nossos primeiros destinos com Dagny foi Florença, na região da Toscana, bem pertinho de Roma (1h45min de trem rápido). Antes de embarcar perguntei à companhia de transporte escolhida, a Italo, se tinham alguma recomendação de transporte para cães. Eles apenas disseram que o animal deveria estar em alguma bolsa/caixa de transporte, que deve ir no chão ou no colo do passageiro. Como vocês podem ver, Dagny fica bem tranquila e confortável em sua caixa de transporte.

Continuar a ler “Florença | Itália”